Photo: @ Alberto

A partir dos 65 anos ocorre a presbiacusia, que é a diminuição da audição devido ao desgaste do sistema auditivo.

Mas não vamos confundir idade avançada com velhice. Ser velho é ter zumbido, se isolar, sentir cansaço e perder oportunidades.

“Coisa de velho” é:

  • Não ter medo de ficar o resto da vida preso à surdez
  • Temer dos olhares alheios mas não ter medo do declínio cognitivo, isolamento social, depressão, piora gradativa da audição e demais doenças causadas pela perda auditiva não tratada
  • Sentir vergonha que seu filho surdo use aparelhos auditivos (mas não saber qual resposta vai dar a ele quando crescer e perguntar “Por que você não me deu chance de ouvir?”)
  • Se paralisar frente ao diagnóstico de perda auditiva mas não frente a coisas muito mais desafiadoras e complicadas da vida
  • Só se interessar pelos “direitos” do deficiente auditivo mas não mover um dedo em direção ao milagre que a medicina e a tecnologia proporcionam

Para você que já se conscientizou do problema e não pensa como velho, mãos à obra no sentido da reabilitação auditiva e boa caminhada!!

Referências

Publicação Facebook Especialistas em Audiologia: Perda auditiva não é coisa de velho

Publicação Facebook Crônicas da Surdez: Eu não entendo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *