Tenho perda auditiva?

Para sabermos se temos ou não uma perda auditiva, é necessária a realização de alguns testes de audição. Esses testes são realizados por profissional qualificado – o fonoaudiólogo – e irão revelar o tipo e grau da perda auditiva.

Quando falamos sobre o tipo de perda auditiva, falamos do local que encontra-se comprometido no sistema auditivo durante a passagem do som – seja fala ou ruído:

Tipos de perdas auditivas

Assim, podemos dividir os tipos de perda auditiva em:

  • Condutiva: quando o comprometimento do sistema auditivo encontra-se na orelha externa e/ou média, mas a orelha interna encontra-se sem alteração
  • Neurossensorial: ocorre quando o comprometimento encontra-se na orelha interna e/ou nos nervos do sistema auditivo central
  • Mista: quando há comprometimentos tanto na orelha externa e/ou média (condutiva) como na orelha interna (neurossensorial)

Agora, podemos também determinar o grau da perda auditiva, já que ela pode se apresentar em diferentes graus.

Graus de perdas auditivas

Para tanto, utilizamos como referência a OMS (Organização Mundial da Saúde), 2014 que determina o grau da perda auditiva através de um cálculo realizado por uma média entre as frequências de 500Hz, 1KHZ, 2KHz e 4KHz apresentadas no audiograma. Temos, portanto:

Grau de Perda Auditiva (OMS,2014) Média entre as frequências de 500Hz, 1KHz, 2KHz e 4KHz (Adulto)
Audição Normal 0 – 25 dB
Leve 26 – 40dB
Moderada 41 – 60dB
Severa 61 – 80dB
Profunda Maior que 80dB

Importante!

Caso apresente mais de uma das dificuldades abaixo, é importante agendar uma consulta  para verificar a presença de perda de audição:

  • Escuto mas não entendo!
  • Peço para repetir várias vezes!
  • Aumento o volume da TV!
  • Minha família reclama!

Se você respondeu SIM a uma destas perguntas, você poder ser um portador de deficiência auditiva.

Fique tranquilo, a Inova Audição tem as melhores soluções auditivas e sabe como resolver seu problema.

FALE COM A GENTE!